Madrinhas com vestidos iguais: saiba como escolher modelos e cores

Jessica Krieger

Antes de eleger o look das madrinhas, é preciso levar em conta o tipo de festa e horário da cerimônia, além do estilo pessoal de cada uma

Madrinhas com vestidos iguais em tom pastel. © iStockfoto.com/Daisy-Daisy


Um costume norte-americano anda fazendo sucesso nos casamentos por aqui: muitas noivas estão escolhendo vestidos iguais para as madrinhas. Esta tendência não é nova, mas está em alta entre as noivas mais descoladas, que desejam um charme extra na celebração.

Esta padronização tem resultados lindos, especialmente nas fotos. Mas pode ser uma dor de cabeça a mais se a noiva não tiver disposta a acertar os mínimos detalhes com as amigas escolhidas. Afinal, não é todo modelo e cor que cai bem em corpos diferentes. 

“O ideal é que cada vestido da madrinha seja em modelo apropriado para o o tipo físico de cada uma, pois algumas têm mais busto ou mais quadril, outras não têm cintura marcada. Um modelo com leve decote V e acinturado é o mais democrático de todos”, afirma a consultora de estilo e produtora de moda Gaby Beraldo. 

Mesma cor da decoração?

Madrinhas com vestidos iguais não significa, necessariamente, que precisam usar a mesma cor da decoração. É possível escolher modelos com tons que harmonizem com o tema do casamento, mas sem exageros. 

“As cores dos vestidos variam muito do gosto da noiva e do horário da cerimônia. Particularmente, acho mais elegante tons mais neutros”, diz Gaby. A especialista explica que cores fortes como vermelho ou roxo, por exemplo, podem chamar mais atenção do que a própria noiva. Principalmente se o evento ocorrer em local fechado e não muito amplo.

Uma opção é eleger uma cor base e deixar que as madrinhas escolham os tons que mais agradam. Na hora de fazer o convite, a noiva pode entregar às amigas uma paleta de cores que devem ser usadas na hora de definir o vestido. 

“Como o efeito da cor da roupa varia de acordo com a coloração pessoal de cada uma - cor dos olhos, pele e cabelo - o ideal seria escolher uma variação de tons de uma única cor”, confirma a consultora de estilo.

Como escolher o modelo

Não é nada fácil selecionar um modelo que favoreça todas as madrinhas. Por isso, o processo de escolha do vestido deve ser compartilhado com elas. Afinal, existem aspectos que devem ser levados em consideração além do tipo físico e estilo pessoal de cada uma: a cerimônia, horário e local do evento.

Mesma com em modelos diferentes para as madrinhas. © iStockphoto.com/Aksakalko


“Casamentos de manhã, ao ar livre pedem tecidos mais fluidos, leves e sem brilho e cores mais claras. Já casamentos após às 19 horas, com igreja e festa, já pedem tecidos mais encorpados, bordados e brilhos”, conta. 

Para não impor um vestido, as noivas podem escolher o comprimento e cor e deixar que cada madrinha escolha o modelo que mais agrada. Mas é preciso que haja uma harmonia entre os looks. Outra alternativa é definir um corte clássico e que possa ser reformado para outros eventos. 

“Um tomara-que-caia longo, de seda ou cetim, por exemplo, pode ser encurtado para uma festa, ganhar uma faixa com aplicações ou mesmo uma sobreposição em renda e se transformar em uma peça totalmente diferente para outra ocasião.”, acredita a produtora de moda. 

Dicas para as noivas 

  • Não resolva sozinha: converse com as madrinhas para vocês chegarem juntas a uma conclusão sobre os vestidos;
  • Na dúvida, defina apenas o comprimento e a paleta de cores e deixe que cada madrinha escolha seu modelo favorito - desde que esteja dentro do estilo da festa; 
  • Lembre-se que a madrinha não faz parte da decoração e que usar vestidos iguais é um charme a mais na celebração;
  • Existe, ainda, a opção de vestidos iguais com acessórios em cores diferentes ou vestidos distintos com pequenos buquês e coroas de flores iguais; 
  • Se todas fizerem os vestidos no mesmo estilista ou costureira, há possibilidade de um desconto maior no preço. Não se esqueça que nem todas as madrinhas têm a mesma condição financeira

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto