Damas de honra e pajens no casamento: tudo do que você precisa saber

Fernanda Lima

Qual a função das crianças na cerimônia? Qual a idade ideal? Quem deve pagar pela roupa? Veja as repostas a estas e outras dúvidas

Saiba tudo sobre o papel das damas de honra e dos pajens no casamento. © iStockphoto.com/Lisa5201


As daminhas de honra e os pajens são as estrelas de um casamento - depois da noiva, claro. Incluir os pequenos na celebração deixa o momento mais emocionante e fofo. É preciso, entretanto, levar em conta vários detalhes na hora da organização. Confira as respostas de um especialista às principais questões dos noivos. 

Qual a função da dama de honra e dos pajens?

Damas de honra e pajens tradicionalmente entram na igreja levando as alianças. Porém, alguns têm funções que fogem do lugar comum. As crianças podem, por exemplo, levar plaquinhas com frases, que são uma atração a mais na cerimônia.

"Hoje no mercado temos inúmeras, como: 'Lá vem a Noiva', 'Ainda dá tempo de fugir', ‘Aí vem o amor da sua vida', 'Enfim casados', entre outras”, explica . Porém, é importante verificar se a igreja permite a entrada das plaquinhas, pois algumas proíbem ou exigem verificá-las antes.

Outra função das damas de honra e dos pajens é jogar pétalas rosas, levar a Bíblia Sagrada em mãos ou até a imagem da Nossa Senhora Aparecida, da Sagrada Família, entre outras imagens sacras.

Qual idade deve ter os noivinhos?

Segundo Nana, não existe idade certa para a escolha das damas de honra e pajens. Ela destaca, porém, que se a criança tiver quatro anos ou mais, é mais fácil que ela entre sem chorar, além de serem, geralmente, menos tímidas. “Se forem menores de dois anos, é bom sempre entrar acompanhados por outra criança maior”, explica.

Nos Estados Unidos é comum os noivos optarem por damas de honra e pajens adultos ou adolescentes. No Brasil, a moda também pegou. "Os adolescentes tendem a se sentirem mais adultos com essa responsabilidade. Dar a eles a missão de ser dama ou pajem faz com que eles não se sintam mais crianças. A dica é conversar com eles e perguntar se eles realmente querem participar”, sugere Nana.

Quantas damas de honra e pajens devo ter?

Não há regra para o número ideal de pajens e daminhas, mas antes de decidir os noivos devem levar em consideração o espaço da igreja ou local da cerimônia, para manter o equilíbrio visual e estrutural do evento.

Apesar de não existir um número exato, é necessário no mínimo uma criança para levar as alianças. No caso de escolher várias, é importante ter funções para todas elas (floristas, noivinhos, crianças que levam plaquinhas, etc). 

Quem paga as roupas?

Segundo a cerimonialista, os noivos devem arcar com os custos das roupas. "É de bom tom que ao convidá-los, os noivos se ofereçam para custear. Porém, dependendo da intimidade do casal com os pais das crianças, também é possível pedir que eles arquem com os trajes”.

E se a criança não fizer o combinado?

Para a Nana, é normal as crianças chorarem na hora de entrar na igreja. "Se eles fizerem tudo certinho, arrancarão suspiros nos convidados. Caso contrário, com certeza vão arrancar muitas risadas de todos! Uma coisa é certa: crianças são crianças, então, precisa curtir o momento!”, sugere a expert.

O que fazer com os pequenos na festa?

Para uma festa que tenha acima de 10 crianças, a especialista recomenda que os noivos providenciem um Espaço Kids ou uma recreação infantil, assim eles não correm o risco de se machucarem. "Muitas correm entre as mesas e a pista, e acabam não deixando os pais livres para curtirem a festa também", explica.

Não é obrigação dos noivos dar presentes às crianças, mas com certeza esta atitude os deixará mais felizes. "Podem ser as caixinhas com docinhos, balas, chocolates, entre outras guloseimas. Brinquedo também é bacana. Tudo depende da idade das crianças convidadas”, finaliza. 

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto