Primavera 2018: as cores da Pantone para a estação

Carolina Ferreira
  • Confira as tonalidades que estarão em alta em 2018 e veja como usar estas cores na decoração

    O amarelo Meadwlark é a grande aposta da estação. © Divulgação/Henrique Queiroga

     

    A Pantone, empresa referência mundial em cores, lançou suas apostas para a primavera 2018. De acordo com a diretora-executiva Leatrice Eiseman, a peça-chave para a próxima estação é o desejo do consumidor se expressar, combinado  com sentimento de otimismo e confiança. Na paleta, misturam-se tons mais leves com outras tonalidades vibrantes.

    A empresa divulgou a paleta de cores Top 12 de Spring 2018 e uma de cores clássicas para a estação, com quatro tonalidades. Veja na galeria ambientes e objetos com as cores da moda para 2018 e confira as dicas de arquitetos de como utilizar na decoração sem errar.

     

     

  • Meadowlark

    A estante se destaca no ambiente. © Divulgação/Henrique Queiroga

    Por ser uma cor muito marcante, o tom amarelo deve ser usado com moderação, para que o resultado não fique enjoativo. Aplicá-la em móveis pode dar personalidade e vida aos ambientes, aconselha a arquiteta Carmem Calixto.

  • Cherry Tomato

    O vermelho pode ser utilizado no quarto. © Divulgação/Alessandro Giraldi

    Um dos tons mais intensos, o vermelho permanece em alta e é sempre uma boa pedida para aquecer e trazer vida a um ambiente. Neste projeto, o arquiteto Leandro Neves usa o azul para equilibrar. Ele faz uso das duas cores na marcenaria.

  • Chili Oil

    Vermelho por todo canto da sala. © Divulgação/Rodrigo Tozzi

    Outro tom de vermelho. A cor, como o próprio nome diz “óleo de pimenta”, traz também uma sensação de tempero. Dependendo do acorde de cor com que será combinada, ela terá um "sabor diferente". A designer de interiores Melina Mundim lembra que o vermelho é ativo, dinâmico, por isso, ao utilizá-lo prefira misturar com outras tonalidades. Pode sim ser usado nas paredes, porém tente compor com objetos e texturas acolhedoras. Para as paredes pode vim também em papeis ou revestimentos cerâmicos.

  • Little boy blue

    Almofada com tom de azul compõe bem quartos e salas. © Divulgação/ETNA

    "Cor de menino", o azul claro ultrapassa os ambientes infantis e vai bem em qualquer cômodo, pontuado em objetos como almofadas. Na cozinha, pode ser usada até em pratos para quebrar a neutralidade.

  • Pink Lavander

    O prato dá um tom clássico na cozinha. © Divulgação

    Outro tom de rosa desta vez com um pouco mais de leveza. Fica lindo também quando usado pontualmente ou em objetos como este prato  Richard Ginori (coleção Antico Docci, para a 6F Decorações na Divino Espaço).

  • Spring Crocus

    O rosa marca qualquer ambiente. © Divulgação/Alessandro Giraldi

    Cores mais intensas como o rosa pink devem ser usadas com cautela, pois, se não forem bem aproveitadas, podem dar um ar “over” a um ambiente. O ideal é que essa tonalidade seja aplicada em espaços onde a neutralidade e uniformidade se faça presente. Em um de seus projetos, o arquiteto Leandro Neves usa escala de cinza para compor um living e, para quebrar um pouco essa presença monocromática, faz o uso pontual do pink em um sofá, que chama atenção pela cor e pela textura de seu revestimento.

     

  • Lime Punch

    Cozinha repleta de verde. © Divulgação

    Verde é a cor do equilíbrio, e nesse tom Lime Punch remete à família, às crianças e reunião. A arquiteta Paula Martins afirma que a dica é não carregar muito no ambiente e tentar mesclar com cores mais neutras e suaves. O mobiliário da cozinha da foto, por exemplo, é cinza claro, e não branco. "Se fosse branco o contraste seria muito grande, e ficaria visualmente cansativo", explica sobre seu projeto.

  • Blooming Dahlia

    Ousadia com o sofá puxado para o rosa. © Divulgação/ETNA

    Um tom rosa claro, puxado um pouco para o laranja, cria uma atmosfera de romantismo. Se for optar por um sofá, por exemplo, cuidado com o restante da decoração: deve ser combinar com  tonalidades mais escuras. 

  • Arcadia

    Sofá verde quebra a sobriedade da sala. © Divulgação/MCA Estúdio

    Em alta, o verde pode ser usado em detalhes de um ambiente, mas, para ousar, é possível dar destaque a esse tom. Em seu projeto para a CasaCor RJ, o arquiteto Leandro Neves faz uso de um sofá, que além de seu design arrojado e moderno, chama atenção pelo verde aveludado usado. O sofá faz contraponto aos tons de madeira predominantes no living. “Quando temos um ambiente em tons um pouco mais escuros, dar destaque em pontos específicos é uma boa aposta”, explica Leandro.
     

  • Ultra violet

    Tom de roxo para um café da manhã forte. © Divulgação ETNA

    Esta tonalidade violeta também é  uma das apostas da Pantone para a primavera, mas combina muito com o inverno também. É uma opção de cor que consegue se sair bem nas diferentes estações. Combinado com tons claros, fica alegre. Como tonalidades mais escuras, fica mais fechado e sóbrio. 

  • Almost Mauve

    Banheiro sóbrio sem perder o charme. © Divulgação/Rodrigo Tozzi

    A designer de interiores Melina Mundim diz que o Almost mauve é a delicadeza por natureza. Dá um toque feminino e sutil a qualquer ambiente. Misturado ao vermelho é a formula perfeita para equilíbrio de cor. "É um tom elegante e substitui de maneira bem eficaz o bege no décor". No banheiro, cria-se uma atmosfera delicada para um ambiente que não precisa ser apenas funcional.

  • Emperador

    Marrom para decorar a sala. © Divulgação/ETNA

    Fechado? Triste? Que nada! Combinado com tons claros e florais, este tom de marrom fica a cara da primavera. E é outro caso daquela cor que atravessa diferentes estações. 

  • As clássicas da estação

    O clássico que atravessa os anos. © Divulgação

    A Pantone também divulgou a lista de quatro cores clássicas para a primavera 2018: sailor blue, harbor must, warm sand e coconut milk, estas últimas três tons claros que combinam em todos os ambientes.

    Já a sailor blue, para a arquiteta Paula Martins, é primeiramente associada ao universo masculino, pelo seu tom de azul escuro. Mas ela também pode ir muito dos quartos, uma vez que a cor é super elegante, e pode ser utilizada em diversos ambientes. "Utilizei essa cor em uma sala de tv, reversível em quarto de hóspedes, pensando em sua neutralidade e elegância. Com uma pegada tão versátil, não é atoa que essa seja uma das cores tendência para o próximo ano.”

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto