Banana engorda? Conheça 6 mitos e verdades sobre a fruta!

Fernanda Lima

Rica em vitaminas, minerais e fibras, o alimento pode ajudar a emagrecer e, de quebra, reduzir os sintomas da TPM

Conheça 6 mitos e verdades sobre a banana.


A banana é uma das frutas típicas do Brasil. É a segunda mais consumida no país, perdendo apenas para a laranja. Com sabor adocicado, muita gente não resiste em comer só uma. Mas será que banana engorda

Segundo Marcia Daskal, nutricionista, a frutinha está longe de engordar. Porém, ela é, sim, mais calórica que outras frutas - enquanto uma fatia de abacaxi ou uma maçã possuem, em média, 50 kcal, uma banana nanica tem cerca de 90 kcal. Mesmo assim, não deve ser riscada do cardápio. “O que engorda mesmo é ultrapassar o total de calorias necessárias no dia”, explica a expert.

Além de não contribuir para os quilinhos a mais, a banana pode até ajudar a emagrecer. Isto porque possui uma combinação de fibras e carboidratos que saciam por mais tempo. Além disso, seu sabor adocicado pode ser um aliado durante a dieta, principalmente nos momentos mais críticos, quando bate aquela vontade de abusar dos doces. 

Banana: versátil e funcional

A banana é rica em vitaminas, minerais e fibras. Também é versátil e pode fazer parte de vários pratos e preparações, sendo consumida por algumas pessoas até como parte da refeição.

Outra opção é consumir a biomassa de banana verde, um prebiótico que ajuda a “alimentar” a flora intestinal. O consumo desta fruta tropical ainda contribui para aumentar a imunidade regular os níveis de açúcar no sangue. O ingrediente pode ser adicionado em várias preparações, como feijão, sucos, vitaminas, sopas, patês e nhoque.

Mitos e verdades sobre a banana

1) Comer banana evita cãibra?

Assim como é mito o fato de que banana engorda, também é mito o fato de que, por ser rica em potássio, a fruta evita cãibras. De acordo com a nutricionista, boa parte das frutas e vegetais também são ricas neste mineral.

"As uvas, por exemplo, têm mais potássio que a banana. Por isso, comer um punhado de uvas passas pode ser mais eficiente como repositor de potássio do que a banana”, sugere Marcia. Além disso, ela destaca que a falta de potássio não é a única causa de cãibras.

2) É ideal consumir banana no pré ou pós-treino.

Verdade! Segundo Marcia, as bananas são consideradas um lanchinho leve, mas rico em carboidrato, ideal para consumo antes ou após o treino. Porém, algumas pessoas acham a digestão da fruta difícil. Neste caso, ela deve ser evitada como pré-treino para não gerar desconforto abdominal.

A nutricionista esclarece que o carboidrato é um nutriente essencial antes e depois do treino. Se consumida antes, fornece energia e ajuda o corpo a mobilizar a gordura. Depois do treino, ajuda a recuperar a massa magra, mas é indicado consumi-la associada à uma fonte de proteína, como um queijo branco.

A especialista ainda dá sugestões de como consumir a fruta:

  • Antes do treino: banana com aveia e mel, ou banana com açaí
  • Pós treino: vitamina de banana com leite e outras frutas de preferência ou doce de banana com queijo.

3) A banana deve ser consumida junto com alguma oleaginosa.

Verdade. A banana é um carboidrato simples, ou seja, é rapidamente absorvida pelo sangue. Consumi-la com alguma fonte de proteína, fibras ou gordura boa, como as oleaginosas, retarda a absorção deste açúcar.

4)  A banana ouro é a mais calórica, por isso deve ser evitada. 

Mito. Os tipos de bananas possuem quase a mesma quantidade de calorias. A ouro, de fato, é a campeã, com 112 kcal. Em seguida vem a banana prata, com 98. O terceiro lugar é da nanica, que possui 92 e por último a maçã, com 87. 

Porém, destaca Márcia, as calorias da banana ainda dependem do tamanho e do grau de maturidade da fruta – as mais maduras e docinhas possuem mais calorias. “A quantidade de calorias são apenas uma medida de energia, e não deve ser o motivo pelo qual consumimos ou não a banana”, explica.

5) Devemos consumir apenas uma banana por dia.

Mito. "Não existe um numero certo de quantas bananas devem ser consumidas por dia. O importante é ter uma alimentação variada e consumir diferentes tipos de frutas”, esclarece Marcia.

6) A banana reduz os sintomas da TPM.

Verdade. Como fonte de carboidrato, ela ajuda a controlar a vontade de comer doces, bastante comum durante a TPM. Funciona ainda como remédio contra a insônia, também comum neste período. A dica é, antes de dormir, assá-la com canela e um pouco de mel. 

Depois de congeladas, as frutas podem ser batidas no processador de alimentos com outras frutas ou um pouco de chocolate em pó. "O resultado é um sorvete saudável. Lembrando que o chocolate é rico em magnésio, mineral que também ajuda a combater a TPM", finaliza a nutricionista.

Copyright foto: iStock

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto