Carne de jaca: conheça os benefícios e aprenda a receita desta opção vegetariana

Fernanda Lima

De sabor neutro, alimento rico em fibras adquire o gosto dos temperos adicionados e pode ser usada como recheio de tortas, pastéis e coxinhas

Novidade para quem não come proteína de origem animal: carne de jaca. E sem sabor doce.


Até pouco tempo, ser vegetariano, vegano ou adepto da dieta raw food exigia coragem. Afinal, poucas eram as opções oferecidas nos restaurantes e, sem internet, era mais difícil trocar boas ideias de como substituir a proteína animal. Hoje em dia o cenário mudou. A boa e velha "carne vegetal" não se limita mais apenas à base de soja. Uma opção é a carne de jaca.

Antes de torcer o nariz, vale experimentar. Apesar da fruta ser bem docinha, quem consome garante que o gosto desaparece, dando lugar à uma "carne" bem aderente ao tempero. Segundo a nutricionista Juliana Lima, o aspecto também é similar à um frango desfiado. Por isso a carne de jaca pode ser usada em receitas de coxinha, carne louca, recheios de tortas e pastéis, empadas e fricassês.

"A carne de jaca é uma alternativa nutritiva e cheia de benefícios para a alimentação. O fruto possui cálcio, potássio, ferro, fósforo, vitaminas A e B6, magnésio, alem de ser fonte de antioxidantes que combatem os radicais livres, mantendo a saúde da pele, retardando o envelhecimento precoce e prevenindo doenças", esclarece a expert.

Saborosa e também nutritiva

Ainda segundo Juliana, os dois nutrientes em maior quantidade na jaca são o magnésio e o manganês, essenciais na formação e manutenção óssea. "O magnésio converte a vitamina D em sua forma ativa de modo que possa ajudar na absorção do cálcio, além de regular o sódio e o potássio no organismo".

Já o manganês, explica a nutricionista, participa da formação óssea e de tecidos conjuntivos e reprodutivos. "É especialmente benéfico para mulheres que estão na pós-menopausa. Muitas sofrem de deficiência de manganês", diz a nutricionista.

Os benefícios não param por aí: a jaca também é um fruto energético, estimulante e até afrodisíaco! Além disso, é rica em fibras que ajudam no controle da glicemia, auxiliam na redução do mau colesterol, melhoram a função intestinal, e diminuem o risco de desenvolver alguns tipos de câncer. 

A carne de jaca substitui a proteína animal?

Segundo Juliana, apesar de a jaca ser cheia de benefícios, nutricionalmente ela é completamente diferente da carne de origem animal. As proteínas presente na carne de origem animal são mais complexas no que se refere ao aporte de aminoácidos.

"A carne animal fornece quase todos os aminoácidos essenciais que o organismo necessita para um bom funcionamento. Já as proteínas da carne de jaca não oferece a mesma quantidade da substância", conta a especialista.

Além disso, acrescenta a nutricionista, a carne animal é fonte de vitamina B12, essencial para metabolismo celular, principalmente do sistema gastrintestinal, medula óssea e tecido nervoso. "Pessoas que optam por uma dieta isenta de carne devem fazer uso de suplementação dessa vitamina, que deve ser acompanhada por um nutricionista", alerta.

Dicas para preparar a carne de jaca

Na verdade, a carne de jaca é simplesmente usar a fruta como se fosse a proteína animal. Então, basta seguir as orientações a seguir par "produzir" o alimento em casa:

  • Tipos da fruta. Sem contraindicações, o primeiro passo para preparar a carne de jaca é escolher o fruto certo. Segundo Juliana, existem dois tipos de jaca: a mole - mais doce, de fruto de menor tamanho com bagos amolecidos - e a dura - produz frutos maiores e os bagos são endurecidos. 
  • Escolha da jaca certa. Para o preparo da carne de jaca é aconselhável usar a variedade dura que esteja quase madura.
  • Para não grudar nas mãos. A nutricionista explica que, antes de iniciar o preparo da carne de jaca, é importante salientar que os bagos da fruta são envoltos por uma camada que gruda em todas as partes que encosta (mãos, faca, panelas), por isto é aconselhável o uso de luvas descartáveis.
  • Óleo. Depois do preparo, o ideal é passar óleo de soja nos utensílios e nas mãos antes de lavar com esponja e detergente, pois o óleo ajuda a retirar a substância grudenta.

Receita: carne de jaca

Ingredientes

  • 1 jaca pequena (são melhores para cortar) que não esteja completamente madura.

Modo de preparo

  1. Antes de tudo a jaca deve ser higienizada em água corrente com uma escovinha. Apos a higienização, corte-a em pedaços grandes com a casca e coloque na panela de pressão. A água não deve ultrapassar metade da panela, porém, deve cobrir os pedaços de jaca.
  2. Leve ao fogo alto por aproximadamente 30 minutos ou até que o miolo (bagos) fiquem macios. 
  3. Após o cozimento, despreze a casca e a parte central, ficando apenas com os bagos. Desfie-os e reserve as sementes, pois elas são comestíveis (podem ser assadas, torradas ou cozidas). 
  4. Após o preparo da carne, é hora de temperar. Como o sabor é neutro, ela vai aderir ao sabor dos temperos que lhe for acrescentado.
  5. Refogue-a no óleo ou azeite com temperos, como cebolinha, cebola, alho e sal, e molho de soja (molho shoyo). Sirva! No total, o preparo demora certa de 40 minutos e rende em torno de 6 porções.

Copyright foto: iStock

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto