10 dicas para customizar abadás e arrasar no Carnaval

Jessica Krieger

Especialistas em moda e estilo mostram formas de deixar o abadá personalizado nos dias de folia

Amanda Sasso mostra como deixar o abadá único e com estilo.


Com o Carnaval chegando, está na hora de pensar na fantasia. Para blocos de rua ou camarotes, as camisetas conhecidas como abadás ganham recortes para ficarem ainda mais personalizadas. Uma costurada aqui e uma aplicação ali já diferenciam a peça no meio da multidão. 

Para estas mulheres que gostam de mudar a cara do abadá, deixando-o único e cheia de estilo, A Revista da Mulher falou com cinco consultoras de moda, que deram dicas de como deixar o abadá exclusivo para arrasar nos dias de folia. Confira!  

1)    Observe seu corpo

Antes de sair recortando a camiseta, saiba quais pontos você pretende destacar. Marisa Fumanti, consultora de imagem e estilo, afirma que o objetivo de customizar o abadá é justamente valorizar o que você tem de melhor. “Para quem está fora de peso, nada de muito largo, acinture sem exagero; apenas para fazer um leve contorno. Muito magra? Crie volume com franjas, rendas e sobreposições”, afirma. 

2)    Quanto mais colorido, melhor

Como o tema é Carnaval, as aplicações devem ganhar cores vibrantes e alegres. “As cores quentes, como o vermelho e o amarelo, costumam ter bastante destaque. Os materiais mais comuns são as rendas, paetês, lantejoulas e também as aplicações com pedrarias”,  diz Tatiane Domingues, consultora da Arranjos Express.

3)    Conforto acima de tudo

A maratona do Carnaval pode durar horas e você não vai querer se incomodar com uma peça que machuque ou não esteja confortável, ou quente demais. Por isso, alças e decotes são os principais truques para customizar o abadá. “Sem medo da tesoura, corte as mangas e com a sobra, amarre um lacinho na alça. Quer glamour? Substitua o lacinho por outro, já pronto de paetês”, acredita Marisa. 

4)    Dá pra fazer sozinha!

Com uma tesoura, é possível cortar camiseta, fazer tiras, franjas, nós e muito mais. Para cortar em casa, você precisa estar com a peça totalmente esticada na cama e tem que ter uma tesoura muito afiada. Fique atenta porque o tecido pode desfiar. “Dar um pique (cortadinha) atrás da camisa e um nozinho cria uma cintura para a camisa e fica charmoso - e não com cara de ‘mal cortado’. Finalize com aplicações de sua escolha - costuradas ou com cola para tecido”, recomenda a stylist Talitha Castro. 

5)    Complemente com acessórios

Mesmo a mais básica das customizações pode ganhar ares de sofisticação com o acessório certo.  “Você ainda pode complementar o abadá com acessórios, como brincos, um maxi colar, tiara, chapéu”, recomenda  a consultora de estilo Mariana Aguiar. 
 

Costas trabalhadas para deixar o look mais sensual.

 

6)    Aplicações diversas 

As aplicações garantem mais charme no decote, nas mangas e até mesmo nos desenhos já prontos da camiseta.  “Utilizamos muitas pedras e fitas, que dão brilho e muito charme em qualquer modelo de abadá, como é a pedida da festa. Geralmente as pedrarias são utilizadas para valorizar o logotipo do camarote”, garante Jéssica Librelato, gerente de marketing da Restaura Jeans. 

7)    Decotes e recortes

Tatiane Domingues, da Arranjos Express, afirma que entre os cortes mais comuns da customização dos abadás estão os recortes nas costas.  Um pouco mais de decote no colo ou destaques nas laterais também estão em alta. As camisetas também perdem as mangas, para maior mobilidade e conforto.

8)    Rendas

Estilistas Lethicia Bronstein e Patrícia Bonaldi costumam usar a renda nos abadás de várias celebridades e de forma bastante sofisticada. Na altura da barriga, nas costas, na manga... basta usar a criatividade para deixar um pedaço do abadá transparece e sensual. Uma opção é cortar a parte de trás da camiseta e colocar uma renda. Outra, é fazer um cropped, super em alta. 

9)    Amarrações

Apenas com amarrações em forma de nós é possível transformar o abadá em um mini-vestido. “Os cortes diferentes sempre chamam a atenção. Transformar a camiseta em vestido e um trançado diferenciado... Vale tudo para se destacar!”, acredita Jéssica Librelato, da Restaura Jeans.  As camisetas G e GG são mais fáceis para fazer este tipo de customização. 

10)    Harmonia na produção

Mesmo no Carnaval, é preciso pensar no look como um todo. Por exemplo: qual peça será usada na parte de baixo para criar uma customização bonita e sem exageros? “É interessante também, que as aplicações conversem entre si”, afirma a stylist Talitha Castro. 

Copyright foto: Reprodução FofoChic/Pinterest 

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto