Os filmes sobre moda que toda a fashionista deve assitir

  • Confira 10 longas, de filmes populares que marcaram gerações a documentários que desvendam os segredos do mundo fashion, que os apaixonados por moda vão adorar assistir

    Anne Hathaway em O Diabo Veste Prada e Audrey Tautou em Coco Antes de Chanel. © Reprodução


    Fashionista de carteirinha? Não sem antes ter feito um check na lista dos filmes obrigatórios para quem gosta de moda. Na galeria, confira uma seleção de dez longas-metragens, entre biografias, documentários e ficções, que nos fazem imergir no mundo fashion. 

  • O Diabo Veste Prada

    Meryl Streep inesquecível como Miranda Priestly. © Reprodução


    Indispensável na filmografia de toda fashionista que se preze, O Diabo Veste Prada (2006) explica (com uma pequena dose de exagero) a dura realidade de quem trabalha com moda. Além das situações surreais, a atuação de Meryl Streep, inesquecível como a diabólica diretora de redação da Runway (versão cinematográfica da Vogue americana) e o figurino que se mantém atual mesmo após 10 anos, são ótimos motivos para assistir já!

  • Patricinhas de Beverly Hills

    Alicia Silverstone (à dir.), a eterna Patricinha de Beverly Hills © Reprodução


    Um dos filmes que mais marcou a década de 1990, As Patricinhas de Beverly Hills (1995) é provavelmente o primeiro contato das jovens da época com a moda. Impossível esquecer a cena em que Cher, vivida por Alicia Silverstone, faz seu closet gigantesco girar apertando um botão, ou das polaróides que ela tirava por "não confiar no espelho". Depois do filme, praticamente todas as garotas queriam se vestir de conjuntinho xadrez e meias 3/4 como as personagens.

  • Prêt-à-Porter

    Marcello Mastroianni e Sophia Loren. © Reprodução


    A comédia satírica de Robert Altman Prêt-à-Porter (1994) revela os bastidores da semana de moda de Paris através de diversas pequenas histórias de diferentes personagens vividos por atores conhecidos como Julia Roberts, Tim Robbins e Kim Basinger (jornalistas), o casal Marcello Mastroianni e Sophia Loren, as editoras (Linda Hunt, Sally Kellerman, Tracey Ullman), além das participações de Lauren Baccal e Anouk Aimée. Um retrato hedonista e crítico da indústria fashion que vale o play. 

  • Yves Saint Laurent

    Pierre Niney em ação como YSL. © Reprodução


    Em 2014, dois filmes biográficos retomaram a vida e trajetória profissional de um dos estilistas mais talentosos de todos os tempos: Yves Saint Laurent. O primeiro deles, com Pierre Niney excelente como Saint Laurent, revela seu modus operandi, sua entourage criativa, mas sobretudo a fragilidade do criador. 

  • Coco Antes de Chanel

    Audrey Tatou como Coco Chanel. © Reprodução


    Lançado em 2009, Coco Antes de Chanel conta a vida de Coco Chanel (vivida por Audrey Tatou), mas com foco em como a jovem órfã de origem modesta e rebelde chamada Gabrielle se transformou em Mademoiselle Chanel, símbolo de sucesso e liberdade que representam a mulher moderna. 

  • Dior e Eu

    Os bastidores de um desfile de alta-costura da Dior. © Reprodução.


    Filmado e lançado (2014) no curto período em que Raf Simons esteve na direção criativa da Christian Dior, Dior e Eu mostra os bastidores da primeira coleção de alta-costura do estilista belga, idealizada e produzida em apenas oito semanas. Em tom de desafio, o documentário mostra a herança da maison, como funciona o processo criativo de uma coleção e, sobretudo, o trabalho minucioso dos ateliês que produzem as peças e acessórios excepcionais. 

  • A Edição de Setembro

    Anna Wintour, a editora-chefe da Vogue americana. © Reprodução.


    A Edição de Setembro (2007) registra os bastidores da confecção da mais importante edição anual da Vogue americana, a september issue. O documentário mostra como funciona o dia a dia da bíblia da moda mundial e, mais importante, da temida editora-chefe Anna Wintour, que dirige a publicação desde 1988. 

  • Diana Vreeland: O Olhar Tem Que Viajar

    Diana Vreeland em seu escritório. © Reprodução.


    Um dos personagens mais importantes no mundo fashion, Diana Vreeland tem sua extraordinária trajetória relembrada no documentário Diane Vreeland: O Olhar Tem Que Viajar (2011). A biografia mostra como em seus anos na Vogue, Harper's Bazaar ou no Costume Institute do Metropolitan Museum, Diana descobriu o poder da moda como arte, revolucionou a indústria e o mundo editorial dedicado à ela.

  • Bill Cunningham New York

    Bill Cunningham em ação. © Reprodução


    Pioneiro e inventor do streetstyle, Bill  Cunningham começou a registrar o estilo pessoal de transeuntes em Nova York nos anos 1970, muito antes de a modalidade existir como categoria. Bill Cunningham New York (2011) acompanha o fotógrafo, então com 80 anos, em sua tarefa de documentar o que as pessoas estão usando.

  • Direito de Amar

    A aclamada estreia de Tom Ford como diretor. © Reprodução.


    Primeiro filme do renomado estilista Tom Ford, Direito de Amar surpreendeu a crítica pela qualidade do enredo, bela fotografia e sensibilidade. O filme conta a história de um professor universitário (Colin Firth) que luta contra a dor da perda de seu parceiro, morto em um acidente de carro. O longa conta também com Julianne Moore no elenco, sem contar o figurino impecável. 

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto