5 tipos de queijo de cabra e seu uso na culinária

Priscila Pegatin

Produzidos a partir do leite de cabra, esses queijos são menos calóricos e podem ser servidos como aperitivos ou ser usados em receitas quentes e frias

Conheça 5 queijos de cabra. © iStockphoto.com/circlePS


De sabor marcado, os queijos feitos com leite de cabra são bastante comuns na Europa. De cor geralmente branca e com texturas que podem ser cremosas ou mais resistentes, o queijo é ideal para ser consumido como petisco, em temperatura ambiente, ou para compor receitas frias e quentes

São vários os queijos fabricados com o leite de cabra e eles se diferenciam pela forma como são produzidos e os ingredientes de sua composição. Eles podem ser feitos apenas com o leite de cabra ou ter outros tipos de leite, como o de vaca ou de ovelha. 

Menos calóricos e mais saudáveis

Além de suas qualidades gastronômicas, os queijos de cabra têm a vantagem de ser menos calóricos. “Ao trocar o cheddar pelo queijo de cabra, por exemplo, há redução de 200 a 300 calorias na refeição”, explica Raquel.

Os queijos de cabra são também substitutos ideais para quem tem intolerância a lactose, pois possuem índices menores dessa substância e são mais fáceis de digerir. “A proteína do leite de cabra possui alto valor biológico e cálcio tendo melhor absorção pelo organismo. Devido à sua composição, esse queijo é capaz ainda de diminuir a acidez do estômago e contribuir para a cicatrização das paredes do sistema digestivo”, ressalta.

Se comparado ao queijo produzido só com o leite de vaca, o de cabra tem menos sódio, é rico em vitaminas, minerais e proteínas. Para experimentar um dos queijos produzidos com o leite de cabra, confira a seguir os tipos mais populares e como acrescentá-los na próxima refeição:

Os 5 queijos de cabra mais famosos

Feta é um queijo típico da culinária grega. © iStockphoto.com/HandmadePictures

Feta

Originário da Grécia, o feta é um queijo coalhado em salmoura. É elaborado com leite de ovelha e até 30% de leite de cabra. De com branca, sem buracos ou pele, o feta é um queijo leve e de sabor salgado. 

Ingrediente indispensável da salada grega - junto com azeitonas, tomate e pepino - o queijo de cabra também fica perfeito em sanduíches e tortas. Típico da culinária fa Grécia, ele é usado em várias receitas do país.
 

Camembert de chèvre © iStockphoto.com/oksix

Camembert de chèvre

Bastante famoso entre os amantes de queijo, o camembert tradicional é feito com leite de vaca, mas há também a versão menos conhecida com leite de chèvre ("cabra" em francês). 

Mais branquinho que o original, o camembert de chèvre tem massa mole e sabor marcado. "Com o interior mole e envolto por uma película branca mais consistente este tipo de queijo é ideal para ser consumido com geleia e torradas", sugere a nutricionista Raquel.
 

Bûche. © iStockphoto.com/ChristianJung

Bûche

O queijo bûche é feito com leite integral e creme de leite de cabra. De cor marfim com consistência macia, o bûche derrete facilmente, sendo ideal para pratos quentes, como bruschetta, pizzas e tortas.
 

Rocamadour. © iStockphoto.com/Mauhum

Rocamadour

O queijo, que leva o nome da cidadezinha francesa Rocamadour, é feito com leito cru e possui uma fina pele branca. Bastante cremoso, o rocamadour é ideal para degustar com um pedaço de pão e uma taça de vinho, no aperitivo ou depois da refeição –  no melhor estilo francês. 

Para consumir como aperitivo queijo de cabra deve ser retirado até 30 minutos antes da geladeira, para estar na temperatura ambiente
 

Crottin de Chavignol © iStockphoto.com/PicturePartners

Crottin de Chavignol

Pequeno e redondo, o crottin é um queijo de textura consistente. Seu sabor e aparência depende da afinação, ou seja, o tempo de maturação do queijo. Quanto mais maduro, mais forte será gosto do crottin. Pode ser degustado em aperitivos, tortas e sanduíches.

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto