Café pode ser aliado contra o câncer, diz estudo

A redação
Pesquisas divulgadas pelo Journal of the Clinical Oncology informam que o consumo de café aumenta as possibilidades de sobrevivência no caso de câncer de intestino

Pessoas que bebem café tem 33% menos possibilidades de morrer da doença.


Quem diria que o cafezinho de todo dia poderia auxiliar no combate ao câncer? Isso mesmo! Uma pesquisa divulgada no periódico inglês Journal of the Clinical Oncology diz que o consumo de café (com cafeína) pode aumentar as chances de pacientes com câncer de intestino e ainda proteger contra a reincidência da doença. 

De acordo com o estudo publicado, pacientes que recebiam tratamento contra o câncer e tomavam café tinham 33% menos possibilidades de morrer em decorrência da doença que os indivíduos que não tomavam a bebida. E mais: cerca de 42% dos que tomavam quatro ou mais xícaras diminuíam as chances de recaída


“Os consumidores de café têm um risco menor de desenvolver câncer, e as possibilidades de cura aumentam consideravelmente”, afirmou o médico Charles Fuchs, diretor do Centro de Câncer Gastrointestinal de Boston, nos Estados Unidos. Geralmente, essas pessoas teriam 35% de chances de reincidência, mesmo após cirurgia e tratamento por meio de quimioterapia.

Para realizar o estudo, foi pedido a mil pacientes, todos com estágio III de câncer de cólon, que respondessem a questionários sobre alimentação, antes, durante e um ano depois do tratamento de quimioterapia.

Essa é a primeira vez que um estudo relaciona o consumo do café com a redução de risco e reincidência de câncer do intestino. Pesquisas anteriores mostraram que a bebida tão amada pelos brasileiros também pode proteger contra outros tipos de tumores malignos, incluindo câncer de fígado e próstata. 

Copyright foto: iStock

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto