NYFW: sonhos americanos na coleção de Raf Simons para a Calvin Klein

Jessica Krieger

Com o tema "Sweet Dreams", o designer se inspirou nos filmes de terror que permeiam a cultura americana

Look do desfile da Calvin Klein Verão 2018. © iMAXtree


Raf Simons segue o mesmo conceito do seu desfile de estreia e traz novamente a cultura americana para as passarelas. O diretor criativo mostrou, mais uma vez, que está resgatando elementos e costumes marcantes para incorporar a esta nova fase da Calvin Klein.

A coleção "Sweet Dreams" trouxe estampas de obras importantes assindas pelo artista plástico Andy Warhol. E, ao mesmo tempo, apresentou referências das heroínas de filmes de terror. Todas essas influências podem ser vistas em peças desconstruídas com camadas de franjas e vestidos de plástico.

“É sobre o horror e a beleza americana”, diz Raf Simons. “A moda tenta esconder o que é feio e mostrar apenas o que é bonito, mas ambos são parte da vida. Esta coleção é uma celebração disso tudo: uma celebração da vida americana”.

Além das peças conceituais, inspiradas em "Carrie, A Estranha" ou "O Bebê de Rosemary", Simons traz looks ready to wear como saias midi com volume e camisetas, conjuntos monocromáticos em tons vibrantes e, ainda, produções total jeans.

Na primeira fila, celebridades como Paris Jackson, Lupita Nyong’o e Brooke Shields prestigiaram o desfile da (nova) Calvin Klein. Confira todos os looks do Verão 2018 da marca aqui.

Total jeans, produções monocromáticas e t-shirts: peças ready to wear da coleção. © iMAXtree

 

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto