Hugh Hefner, fundador da Playboy, morre aos 91 anos

Fernanda Lima

O empresário morreu de causas naturais em sua casa, em Los Angeles, cercado pela família

Criador da revista Playboy morre aos 91 anos. © APPLEFORD/SIPA

 

O empresário Hugh Hefner, criador da revista Playboy, morreu nesta quarta-feira (27) aos 91 anos. A informação foi divulgada pelo site TMZ e confirmada pelo Twitter oficial da Playboy, acompanhada de uma frase do criador: “A vida é muito curta para viver o sonho de outra pessoa”.

Segundo o TMZ, Hefner morreu de morte natural cercado pela família em sua casa, em Los Angeles. "Meu pai viveu uma vida excepcional e impactante. Defendeu alguns dos movimentos sociais e culturais mais importantes do nosso tempo, a liberdade de expressão, os direitos civis e a liberdade sexual", disse Cooper Hefner, filho de Hugh.

Além de Cooper, Hefner deixa os filhos David e Marston, e a filha Christie. O empresário era casado desde 2010 com a modelo Crystal Harris, 60 anos mais nova que ele. Foi o terceiro casamento dele, que se divorciou de suas duas primeiras esposas na década de 1950.

Hefner criou a Playboy Enterprises em 1953, companhia que começou com a revista Playboy e depois passou a produzir outros conteúdos eróticos para televisão e internet. Marilyn Monroe, o maior símbolo sexual da época, estampou a primeira capa da publicação que virou uma das marcas mais famosas do mundo.
 

American Icon and Playboy Founder, Hugh M. Hefner passed away today. He was 91. #RIPHef

Uma publicação compartilhada por Playboy (@playboy) em

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto