Ator de "Glee" se declara culpado em caso de pornografia infantil

Fernanda Maranha

Com a declaração de culpa, o ator pegará de quatro a sete anos de prisão

Mark Salling foi preso por posse de pornografia infantil em 2015. © Richard Shotwell/AP/SIPA


Mark Salling, ator que interpretou Puck na série Glee, se declarou culpado por posse de pornografia infantil. A acusação de maio de 2016 diz que o artista de 35 anos teria em seu computador e pen drive, materiais com imagens de menores de idade em condutas sexuais explícitas. Mark já foi preso por esse motivo em 2015.

De acordo com o site E! News, o ator entrou com um acordo de súplica, ou seja, se declarou culpado para pegar de quatro a sete anos de prisão, e não mais 20, que aconteceria se não confessasse. Na condenação, Mark terá que pagar restituição a cada vítima abusada. Após o período de detenção, ele ainda passará vinte anos sob supervisão, pois deve se manter longe de lugares com crianças, como escolas e parques.

Este acordo ainda precisa ser aceito pelo juiz. A finalização do processo deve acontecer no próximo dia 17 de outubro. Mark e seus representantes legais ainda não comentaram o assunto à imprensa.

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto