Sinastria amorosa: o que os astros dizem sobre os casais?

Ana Paula Cardoso
Fazer o mapa astral do casal pode ajudar a entender melhor um ao outro
Sinastria: quando os casais usam o mapa astral para ajustar a relação amorosa. © iStockphoto.com

Todo mundo quer ser feliz no amor e, quanto a isso, não há divergência. Nove em cada dez pessoas que já sofreram com o fim de um relacionamento garantem: a dor da separação é uma das mais difíceis de serem superadas. Então, se é para fazer o relacionamento amoroso dar certo, que mal há em consultar os astros? Aos interessados, a sinastria é a ferramenta recomendada pelos astrólogos.
 
Para começar, é preciso saber data, hora e local de nascimento de cada pessoa. Com o mapa astrológico de cada parceiro, é possível identificar os pontos de afinidade e divergências da dupla avaliada. A sinastria amorosa nada mais é do que a comparação dos mapas astrais dos casais
 
"E não precisa ser só sinastria amorosoa, de casal. Há sinastrias feitas de pai e filho, chefe e funcionário e até com animal doméstico pode-se fazer. À luz da astrologia, a posição dos planetas na hora do nascimento das pessoas vai influenciar aspectos comportamentais de cada um, a serem trabalhados para que a relação se fortaleça”, explica a astróloga Leda Maria Nogueira Pereira.
 
Segundo Leda, quando os casais conhecem o mapa astral de cada um através da sinastria, podem compreender muito melhor algumas reações um do outro. 
 
VEJA TAMBÉM

Sinastria mostra caminhos para a relação

Para os mais céticos, a sinastria amorosa ainda assim poderá ser um instrumento de ajuda para um relacionamento a dois mais harmonioso. Fazer a avaliação do mapa astral juntos pode até não ser a chave do segredo dos casais felizes, mas não tem contraindicação. Afinal, o autoconhecimento é um caminho sempre indicado para melhorar a relação com o outro. 
 
"Trato casais nos quais um gosta de astrologia e o outro acha bobagem. Eu sempre proponho que o resistente ceda e acompanhe a sinastria amorosa. E, depois, os que cederam me dizem que acabou sendo interessante, divertido ou surpreendente. O momento com um astrólogo acaba sendo um momento de união", conta a psicóloga e terapeuta de casais Helena Monteiro.
 
Mas antes de procurar um astrólogo, é melhor o casal não estar envolvido em brigas ou disputas. Um erro comum é os casais procurarem a sinastria por acreditarem que a astrologia vai definir ou prever o futuro do relacionamento. 
 
“A sinastria amorosa não resolve ou prevê problemas. Apenas mostra a tendência de como a relação pode ser melhor encaminhada. Mostra os melhores caminhos mesmo, como deve ser a função de todo mapa, inclusive o astrológico”, orienta a astróloga Leda Maria Nogueira.

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto