10 sinais de que o relacionamento chegou ao fim

Ana Paula Cardoso

Saiba quais são os principais indícios de que a relação amorosa vai mal 

Sinais de que um relacionamento chega ao fim vaira de casal para casal. © iStockphoto.com


No início do relacionamento, tudo parece promissor. Um está sempre querendo mostrar o melhor para o outro. À medida que o tempo passa, é natural a relação amorosa passar por fases de altos e baixos. Mesmo assim, o amor pode resistir aos mares bravios das etapas difíceis. 

Mas existe um momento no qual os sinais de que o amor está no fim aparecem. E nestas horas, pode-se ter dificuldades de reconhecer isso. Mas segundo especialistas, é natural demorar a reconhecer o fim de um relacionamento.

"Cada um tem seu processo, para cada um os sinais são distintos. Por isso não existem fórmulas. E o que sinaliza o fim para alguém, não é o mesmo indício para outro", explica terapeuta especialista em relacionamento Tatiana Auler.

Falta de comunicação: o começo do fim 

Segundo a especialista, somente quem está dentro da relação é capaz de reconhecer se determinados sinais são ou não indícios de que a relação chegou ao fim. Mas apesar de não ser possível identificar de fora se a relação acabou ou não, algumas vezes quem está dentro também não vê. Por isso é importante a terapia de casal antes de uma decisão drástica.

"O terapeuta entra como um facilitador, para ajudar a identificar tanto as coisas que não estão boas, quanto as que estão e podem fazer valer a pena tentar salvar. E na minha vivência como terapeuta, a maior parte das vezes o que eu vejo é um conflito de comunicação entre o casal.  E este ruído na comunicação é a pior falha num relacionamento", afirma Tatiana

10 sinais que a relação está perto do fim

Apesar de cada relação amorosa ser diferente uma da outra, alguns indicadores genéricos podem servir de sinal amarelo. Seja para tentarem reverter o conflito, seja para darem o passo rumo ao fim do relacionamento.

Veja a seguir as principais questões que incomodam os casais e os levam à ruptura:

  1. Falta de libido. Primeiro grande indício de que algo está por um fio é a libido em baixa. Mas, segundo Tatiana Auler, quando o casal consegue se comunicar pode até reverter a situação;
  2. Falta de sintonia. Antes, um pensava numa comida e o outro já chegava em casa com a encomenda do restaurante. Os dois comemoravam como se tivessem se comunicado por telepatia. No fim do amor,  a sintonia acaba e, ao contrário, desencontros começam a ser frequentes;
  3. Distração. Datas comemorativas e compromissos um com o outro começam a ser esquecidos com frequência;
  4. Não largar o celular. E diferente do que se pensa, nem é por traição. É apenas uma maneira de se desligar da realidade ao lado;
  5. Irritação. A voz, os gestos, as piadas, o ronco. O que antes era fofo ou tolerável, torna-se insuportável;
  6. Indiferença. Este indício é o estágio seguinte à distração, que ainda se considera contornável. Quando o casal chega ao estágio da indiferença é um caminho praticamente sem volta;
  7. Solidão a dois. Os programas começam a ficar melhores se o outro já não nos faz companhia. Sair para eventos cada um para o seu lado passa a ser a rotina;
  8. Falta de admiração. Quando já não se aprecia mais a vida do outro; 
  9. Impaciência. Aquela dedicação, tão presente quando se está em um relacionamento amoroso, deixa de existir. Explicar, ensinar ou relembrar qualquer coisa ao parceiro passa a ser um processo doloroso; 
  10. Agressividade. O pior indicador de que o relacionamento está no fim. Troca de insultos e desqualificação um do outro transformam a vida dois em desarmonia completa e pode desencadear até em violência física. Sinal de alerta total.

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto