Paquera na praia: dicas simples para arrasar na azaração ao sol

Ana Paula Cardoso

E nem será preciso corpo sarado, mas simpatia e autoestima em dia

Paquerar na praia tem nuances que vão além do corpo perfeito. © iStockphoto.com/PK6289


Verão em contagem regressiva para aportar no Brasil. Momento de pensar no sol, mar e, para quem está solteiro, uma paquera na praia soa sempre como uma boa oportunidade. E engana-se quem pensa que o território de corpos expostos exige barriga de tanquinho ou músculos definidos para atrair um possível parceiro.

"Numa paquera na praia, é comum o visual prevalecer. Afinal, as pessoas estão cobertas apenas nas chamadas 'partes pudicas' (isso quando não estão em praias nudistas) e o corpo interessa muito quando se estabelece uma atratividade. Mas reitero que a atração física vai muito além daquilo que a sociedade estabeleceu como padrão de beleza", explica a psicóloga terapeuta  de casal Helena Monteiro.

A especialista lembra que há milhares de pessoas com os chamados "corpos em dia" e que não são bem resolvidas em suas questões emocionais, assim como há gordos, ou magrinhos, enfim, gente com corpo menos reverenciado em editorial de revista mas que são super bem-sucedidos em paqueras na praia, na balada, não importa onde.

Paquera na praia: autoestima de biquíni

A psicóloga ressalta ainda que o mundo está vivendo um momento de questionamentos de valores. Estão aí para provar as modelos plus size cada vez mais em voga. Também o movimento de inserção da diversidade racial faz cada vez mais parte das campanhas publicitárias, por exemplo.

"Porém, precisamos reconhecer o quanto ainda pesam as questões de aparência, principalmente em se tratando de uma paquera na praia. Mas a partir do momento em que a autoestima é desenvolvida, o biquíni veste melhor", reforça a psicóloga.

Dicas para paquerar na praia

Para o coach de relacionamento e autor do livro eletrônico "Método Respeito", Caio Cesa, ninguém precisa estar numa forma padrão para ser bem-sucedido no momento inicial da aproximação. Mas é fundamental a velha máxima do gostar do que se vê no espelho.

"Cuidar de si mesmo e gostar de si mesmo são os primeiros passos para atrair o outro. A equação é simples: basta pensar se nós mesmos gostaríamos de nos relacionar com uma pessoa como nós. Estar bem consigo mesmo torna as pessoas mais interessantes", completa o coach.

Então, agora é botar em prática. Veja algumas ideias para animar quem tem vergonha de paquerar na praia.

  • Seja você mesmo. O grande erro é quando se pensa que a praia é um território para assumirmos outra personalidade. Não é. Ninguém precisa surfar, jogar frescobol ou futevôlei só porque está na moda. Gosta de ler? Leve seu livro e as chances de atrair olhares mais intelectuais aumentam muito...
     
  • Circule. Uma dica infalível de paquera na praia é expandir as opções. Geralmente as pessoas chegam à praia, escolhem seu pedaço na areia e restringem-se a um mínimo espaço geográfico. Faça uma caminhada, desloque-se até um outro ambiente e as chances de encontrar pessoas interessantes aumentarão;
     
  • Aproximação delicada. A ideia de qualquer paquera, seja na praia ou outro lugar, é a aproximação. E também essa sempre é a parte mais delicada. A vantagem da praia é haver um pouco mais de liberdade. Pedir para tomar conta das coisas quando se vai banhar-se ao mar é ótimo para estabelecer contado. Aos mais ousados, ou quando a troca de olhares é muito evidente ou ostensiva, vale até pedir para passar o filtro solar nas costas;
     
  • Ganhe na conversa. E ninguém está falando em já chegar junto com quem se estabeleceu uma atração. Lembre-se que na praia as pessoas ficam muito próximas umas das outras e as conversas são facilmente escutadas. Converse sobre coisas interessantes perto da paquera. Muito provável que ela ou ele acabe entrando no papo;
     
  • Romântico praiano. Quando já se conseguiu romper a barreira e puxar conversa, hora de avançar na estratégia. Que tal convidar o gatinho ou gatinha para dar um mergulho no mar? Ou para estenderem e apreciarem o por do sol juntos? A resposta positiva é praticamente sinal que a paquera na praia deu certo! E os mais sortudos podem até acabar com um sexo na praia para terminar bem o dia...

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto