Dicas práticas para masturbação feminina: abuse e use da imaginação!

Ana Paula Cardoso

Ainda se reprime só de pensar em ter prazer sozinha? Siga algumas ideias e tenha deliciosos orgasmos

Masturbação feminina: é preciso estimular primeiro a imaginação, depois o clitóris. ©  iStockphoto.com/g-stockstudio


A regra de ouro da masturbação feminina pode ser resumida em um provérbio popular muito conhecido: antes só do que mal acompanhada. Que a mulher tem tanto desejo quanto o homem, todos sabem. A diferença é que a sociedade machista ainda imprime uma aura de romantismo ao orgasmo feminino e tudo que gira em torno da sexualidade das mulheres

"Orgasmo é orgasmo e é promovido pela estimulação do clitóris, que é o órgão responsável pelo prazer feminino", desmistifica a psicóloga e terapeuta sexual Jussania Oliveira. Para a especialista, o prazer feminino pode - e deve- começar pelas próprias mãos, através da masturbação.

Masturbação feminina: pense mais em sexo

A grande verdade é que vale mais a pena alcançar o prazer com as próprias mãos do que permitir-se um sexo casual com algum homem com o qual não se tem a menor afinidade. Mas algumas mulheres ainda sentem vergonha. Por isso o prazer solitário acaba por sofrer repressões.

A masturbação feminina já é vetada na própria cabeça da mulher. Mas à luz da sexologia e da própria medicina, isso é apenas fruto de repressão. Para acabar de vez com o tabu, a ginecologista e obstetra Maria Elisa Noriler é categórica: mulheres devem pensar em sexo.

"Ao fazerem isso, elas enviam estímulos ao cérebro informando que estão dispostas e com vontade de praticar o sexo. Por isso, recomendo que procurem pensar mais no assunto", estimula a Dra. Maria Elisa.

As dicas infalíveis para ter muito prazer sozinha

Mas só pensar não é tudo. Em se tratando de masturbação feminina, é preciso um empurrãozinho e dar uma mãozinha ganha sentido além do figurado. Por isso A Revista da Mulher ouviu especialistas e lista algumas ideias para consumar o prazer sozinha:

  • Contos eróticos. Escolha um tema, faça uma busca na internet e estimule o pensamento, imaginando-se nas situações descrita neste tipo de literatura.  "Palavras, contos e histórias atiçam muito mais o imaginário feminino do que imagens", diz a psicóloga e sexpert Tatiana Presser.
  • Certifique-se que está só. Fique em um ambiente no qual não será incomodada. A tensão de que alguém pode aparecer costuma reprimir a prática da masturbação. Coloque o celular no modo avião ou no modo silencioso. Desligue-se por um tempo do mundo exterior. Nada mais anticlímax do que ser interrompida durante a masturbação.
  • Não se reprima. Deixe vir á tona as mais loucas fantasias eróticas. Ninguém precisa colocar em prática o sexo com 5 homens ao mesmo tempo, mas imaginar um gang bang na hora da masturbação feminina pode cair muito bem.
  • Entre num site de sexo. Um bate papo com um pseudônimo quente é uma outra forma de estimular a mente e dar uma força à masturbação feminina. Mesmo sem trocar fotos, a descrição do que cada um faria com o outro já pode ser suficiente para fertilizar a mente e conduzir a mulher ao prazer.
  • Lubrificação antes da masturbação. Evite começar com o toque. Apesar de o estímulo no clitóris ser fundamental para o prazer sozinha, primeiro siga as etapas anteriores. Use muito a imaginação e aí, quando a lubrificação já estiver bem estimulada, masturbe-se até chegar ao orgasmo.

LEIA TAMBÉM

Veja 4 maneiras de manipular o clitóris sozinha

"Transei com um desconhecido": 3 histórias reais vividas por mulheres ousadas

Masturbação: por que é importante praticar sexo sozinha

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto