Banho de assento: saiba como o tratamento à moda antiga funciona

Ana Paula Cardoso

Indicado como paliativo para alívio de sintomas de algumas doenças, o chamado banho de assento deve ser feito com produtos calmantes

Banho de asseno proporciona alívio para sintomas de algumas doenças.


A medicina avança de forma galopante. Enquanto estudos científicos buscam constantemente de vacinas para as mais diversas doenças e para a cura do câncer, alguns tratamentos à moda antiga continuam a ser recomendados por médicos. É o caso do banho de assento.

Funcionando como paliativo para atacar os sintomas de algumas doenças, o banho de assento não cura, mas ameniza os desconfortos de algumas patologias. "Banho de assento é indicado para irritações vulvares, ou seja, externas, apenas para o alívio dos sintomas", orienta o Dr. Franco Chazan, ginecologista da Clínica Chazan.

Use óleos essenciais no banho de assento 

O banho de assento é recomendado, principalmente, como paliativo para as seguintes doenças:

  • irritações na vagina;
  • candidíase;
  • cistite;
  • e hemorroida.

Segundo o Dicionário de Medicina Natural (Editora Reader's Digest) os banhos de assento podem ser feitos com quatro gotas de óleos essenciais medicinais, como óleo de camomila, mirra ou cânhamo. Ou com bicarbonato de sódio. 

"Banho de assento não deve ser feito apenas com água , mas associado a algum produto calmante da pele e introito vulvar, como óleos de camomila, mirra ou apenas óleos essenciais", confirma o Dr. Chazan.

Como fazer o banho de assento

O banho de assento deve ser feito com o produto misturado na água, a uma temperatura agradável à região na qual será aplicado. Esse pequeno cuidado garante o efeito desejado de alívio (como de dores e coceiras), sem agressão térmica da pele.

"O recipiente pode ser o bidê ou uma bacia, sempre bem limpos. Não precisa estar esterilizada. Deve ser repetido duas vezes por dia, durante três dias. Porém, lembrando que o banho de assento é apenas um paliativo e a causa deve ser investigada e tratada adequadamente", recomenda o especialista.

Outra recomendação é ficar de 2 a 3 minutos no banho de assento. Depois, basta apenas enxugar com uma toalha macia e deixar a parte do corpo arejada, ou seja, usar roupas que não abafem a região.

Copyright foto: iStock

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto