Confira 5 tipos de massagens relaxantes e seus benefícios

Daniel Navas

Shiatsu, Ayurvédica, Massagem Sueca, Destoxi Drenante e Abhyanga são os tipos de massagens mais procurados para quem quer maior bem-estar

Veja 5 técnicas de massagem relaxantes. © iStockphoto.com/Photographer - Valua Vitaly Style - Margarita Valua


É reunião atrás de reunião, o trânsito que está sempre caótico e, no fim do dia, a tensão não dá trégua. A melhor solução para todo esse estresse é relaxar. E uma boa pedida para aliviar as tensões do dia a dia e alcançar um pouco de calma são as massagens, que de quebra também estimulam os sistemas circulatório e imunológico.

Está precisando de um momento de descanso? Veja abaixo as cinco técnicas de massagens mais procuradas.

Shiatsu

É um tipo de massagem de origem milenar, baseada na medicina tradicional chinesa e na medicina oriental, tem a finalidade de melhorar a saúde e proporcionar o bem-estar. “Shiatsu é uma palavra de origem japonesa que significa pressão (“atsu”) com os dedos (“shi”), mas pode ser feita também com os cotovelos, palma das mãos, e joelhos”, esclarece Roberto Debski, médico, especialista em homeopatia e acupuntura pela Associação Médica Brasileira.

A massagem shiatsu é realizada com o paciente na posição deitada e pode-se utilizar óleos essenciais para facilitar o deslizar das mãos. “O terapeuta realiza pressão em pontos de regiões em que há dor ou tensão, com a finalidade de promover a circulação da energia e do sangue, o relaxamento muscular e a analgesia”, explica o médico.

O shiatsu é um tipo de massagem que pode ser indicado para:

  • dores em geral (como dor de cabeça, enxaqueca, dor nas costas, músculos e articulações);
  • problemas emocionais e psicossomáticos (como a ansiedade e o estresse);
  • alterações do sono;
  • lesões do esporte;
  • falta de vitalidade; 
  • distúrbios alimentares;
  • melhorar a circulação sanguínea e a circulação dos vasos linfáticos.

“Através do shiatsu, é possível conseguir o alívio das tensões musculares, melhora da postura, reequilíbrio da circulação do sangue e do fluxo energético do organismo. E esse tipo de massagem promove a eliminação de toxinas, melhora a qualidade do sono, causa sensação de relaxamento, acalma, traz bem-estar, mais disposição, energia e vitalidade”, complementa Debski.

Qualquer pessoa pode fazer uma sessão de shiatsu, a única exceção são as crianças pequenas e bebês. Nesses casos, é mais indicada a massagem shantala ou relaxante. Além disso, de acordo com Marcos Yshida Ferrari, massoterapeuta do Espaço Kurma, em São Paulo, a técnica também é contraindicada para mulheres no primeiro trimestre gestação e não pode ser feita em membros com varizes.

Ayurvédica

A técnica mistura métodos de Yoga e Ayurveda. “Segundo o indiano Keshav, especialista na técnica, o tipo de massagem ayurvédica é baseado em três princípios: energia vital, circulação sanguínea e respiração. A massagem é feita por meio de toques profundos e vigorosos e utiliza produtos naturais, como o óleo vegetal. Este lubrificante é esquentado em um recipiente e aplicado em temperatura morna na pele”, afirma Fabiane Evangelista, fisioterapeuta dermato-funcional, do Rio de Janeiro.

Ainda segundo Fabiane, a técnica começa a ser realizada pela coluna do paciente, que é a base de sustentação do corpo. Depois disso, os movimentos são estendidos ao pescoço, ombros, pernas, barriga, peito e rosto. 

“Essa técnica oferece um grande estado de relaxamento, melhora a circulação do sangue e da energia, relaxa e estimula os músculos. Através da prática, as toxinas presentes nos músculos e no corpo são liberadas, resultando num efeito detoxificante e relaxante”, conta Roberto Debski.

O tipo de massagem ayurvédica pode ser indicado para pessoas de todas as idades, desde que não exista nenhuma contra indicação de origem médica para receber a técnica.

Massagem Sueca

Essa técnica surgiu na Suécia, e é baseada em uma sequência com cinco manobras: deslizamento, pressão, amassamento, vibração e percussão. Neste tipo de massagem, costuma ser usual a aplicação de determinados óleos de massagem ou pó de talco, para reduzir a sensação de fricção. 

“A massagem não propõe apenas o relaxamento, mais uma cascata de benefícios que provém de técnicas específicas para cada paciente de acordo com sua necessidade. Ela aumenta a circulação sanguínea, além de aliviar o estresse”, comenta Sueli Szterling, massoterapeuta e proprietária do Espaço Kurma, em São Paulo.

Por isso, a massagem sueca é especialmente indicada para quem estiver sofrendo com enrijecimento muscular, tensões, insônia, ansiedade, depressão, edemas e dores musculares. 

Destoxi Drenante

Esse tipo de massagem tem como intuito desintoxicar e drenar o organismo, o que faz reduzir o inchaço. A destoxi drenante contribui, portanto, para diminuir a flacidez e proporciona relaxamento muscular. O indicado é fazer a massagem até três vezes por semana. Dessa maneira, a técnica pode trazer diversos benefício para o organismo, como:

  • desintoxicar;
  • aliviar dores;
  • diminuir edemas;
  • relaxar a musculatura;
  • equilibrar as funções metabólicas;
  • combater a flacidez.

E uma boa notícia: as grávidas podem usufruir da destoxi drenante. A única ressalva é comunicar o obstetra antes de iniciar o tratamento.

Abyanga

Oriunda da ayurvédica, esse técnica utiliza óleos vegetais para aplicar a massagens por toda a extensão do corpo do paciente. A massagem não indicada é para grávidas ou as mulheres que estejam no período menstrual, pois ela pode aumentar muito o fluxo. 

Entre seus principais benefícios estão:

  • a remoção das toxinas das células;
  • melhora dos sistemas circulatório, imunológico e digestivo;
  • lubrificação e reforço dos músculos, tecidos e articulações;
  • suavidade, elasticidade e brilho para a pele;
  • dissolução de estresse, tensão emocional e ansiedade;
  • reconexão espiritual;
  • alívio de tensões e dores musculares e aumento da flexibilidade.

Leia também:

Anúncio google

Nenhum comentário disponível sobre este assunto