0
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Pneumonia: vacina contra gripe é a melhor forma de prevenir a doença

Caracterizada por febre alta, tosse e dor no tórax, a pneumonia é uma das principais complicações da gripe, mas pode ser evitada com vacina

Confundida com gripe, a pneumonia tem sintomas como tosse, expectoração, mal-estar e febre de rápida evolução.


Causada por fungos, bactérias ou vírus, a pneumonia é uma infecção que penetra o interior dos pulmões, sendo responsável por 900 mil internações por ano no Brasil. Embora o local seja habitualmente de difícil acesso, a doença é comum, pois o corpo humano já possui bactérias que habitam a boca ou os seios da face.

Segundo o Dr. Mauro Gomes, médico pneumologista responsável pelo Instituto de Pneumologia Paulista, uma falha na defesa do sistema respiratório pode fazer com que essas bactérias se instaurem nos pulmões. “Isso pode acontecer durante o sono”, explica. Também é comum a pneumonia se desenvolver após uma gripe.

Os sintomas vão desde tosse, expectoração, mal-estar e febre de rápida evolução (em poucos dias ou horas). Em alguns casos, os sintomas podem demorar até 2 ou 3 semanas para evoluir. “Nestes casos, predominam a falta de ar, tosse seca e dores musculares”, explica o especialista.  

Pneumonia ou gripe?

Com sintomas parecidos, muitas vezes a gripe é confundida com pneumonia, ou o contrário. Porém, a pneumonia é mais grave e pode até levar à morte, especialmente se atingir crianças ou idosos acima de 60 anos. 

Para não errar, é preciso realizar exames clínicos capazes de identificar a doença. “O diagnóstico pode ser confirmado após a realização de uma radiografia do tórax. Em situações mais graves e que requerem internação, a realização de exames mais específicos pode ser necessária”, completa Gomes.

Outro fator que as diferencia é que, ao contrário da gripe, a pneumonia não pode ser transmitida. O tratamento da doença pode ser feito em casa, tomando-se os antibióticos por via oral, ou dentro do hospital em regime de internação.


Grupos de risco e prevenção

Contrair gripe é considerada uma das portas de entrada da pneumonia, mas está longe de ser a única. Segundo o Dr. Mauro, pessoas com dificuldades ou problemas de deglutição e portadores de doença do refluxo gastresofágico também estão mais sujeitos a desenvolverem a doença.

Idosos portadores de patologias neurológicas também correm maior risco de desenvolver pneumonia uma vez que apresentam geralmente problemas de deglutição. 

E quando o assunto é prevenir, o médico dá algumas dicas para ficar longe da pneumonia. Segundo ele, cuidar da saúde continua sendo uma das maneiras mais eficazes. “Ter uma boa alimentação, praticar atividade física e repousar adequadamente são fundamentais para um bom equilíbrio do sistema imunológico.”

E até no ar condicionado os germes podem se multiplicar.  “Manter esses equipamentos devidamente higienizados e realizar a manutenção adequadamente são importantes medidas na prevenção”, enfatiza.

A vacinação anual contra a gripe também ajuda (e muito) na prevenção da pneumonia. Isso por que ela é frequentemente a consequência de complicações da gripe. “Em idosos, a vacinação contra a gripe reduz cerca 50% a mortalidade por doenças respiratórias quando comparados aos não vacinados”, explica Gomes. 

A vacina deve ser tomada todos os anos, no período do outono ( entre os meses de março a junho), pois a vacina precisa de 30 a 45 dias para que a máxima proteção seja alcançada. Desta forma, quando chega o inverno, período de maior circulação do vírus, o paciente está imunizado. 

Copyright foto: iStock

Publicado por . Última modificação: por oRedacao.

Este documento, intitulado 'Pneumonia: vacina contra gripe é a melhor forma de prevenir a doença', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A Revista Da Mulher (https://arevistadamulher.com.br/) ao utilizar este artigo.
Adicionar comentário

Comentário

Comentar a resposta do usuário anônimo