1
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Cisto no ovário: sintomas, causas e tratamentos

Especialista explica quais são os tipos de cistos no ovário, suas causas sintomas e tratamentos

Os cistos no ovário podem ter causas diferentes, por isso os tratamentos dependem de cada caso.


É possível dizer que dificilmente haverá uma mulher adulta que nunca tenha pelo menos ouvido falar em cisto no ovário. Apesar de ser amplamente conhecido, continua cercado de mitos e trazendo preocupações para as mulheres. 

Georges Fassolas, ginecologista e Diretor da Clínica Vivitá, explica que estes cistos “são como bolsas de água ou outras secreções que se formam nos ovários”. Eles também são conhecidos como cistos ovarianos.

Tipos de cisto no ovário

São vários os tipos cistos ovarianos, mas o mais comum entre eles é o chamado cisto funcional, que se apresenta em duas formas diferentes: os foliculares e os lúteos. Veja agora as características de cada um deles.

Cisto folicular – Mensalmente, durante o ciclo menstrual, se desenvolve um folículo no ovário, dando origem ao óvulo, liberando-o em seguida (ovulação). Nos casos em que o folículo não consegue se abrir e liberar o óvulo, o líquido fica retido dentro dele, dando origem a um cisto

Cisto lúteo – Se diferencia do anterior pelo fato de surgir após a liberação do óvulo, contendo assim uma pequena quantidade de sangue

Além desses é preciso destacar ainda a existência de outros tipos de cistos que são menos comuns, mas que ainda sim merecem atenção: os cistos dermoide (formados a partir de células que também dão origem à pele) e o cistadenoma (se desenvolvem a partir do tecido que reveste os ovários). Outro tipo é o cisto endometrioma, que resulta da endometriose

Causas de cisto no ovário

De acordo com o doutor Georges Fassolas, “existem várias causas, tais como: alterações hormonais, tumores benignos ou malignos, endometriose, hemorragias”. 

Existem ainda alguns fatores de risco para o desenvolvimento dos cistos, como por exemplo um histórico familiar de cistos ovarianos funcionais e também o uso de medicamentos para impulsionar a ovulação

Sintomas de cisto no ovário

O mais comum é que os cistos no ovário não apresentem sintomas significativos, passando despercebidos na maioria dos casos. “Depende da causa, mas algumas vezes causam dores importantes relacionadas a menstruação ou mesmo dificuldade na ovulação”.

A dor pode ocorrer por diversos motivos, mas principalmente quando o cisto:
  • aumenta de tamanho ou sangra;
  • se rompe ou sofrer uma colisão durante a relação sexual:
  • sofre uma torção ou provoca uma torção das trompas.

Alguns sintomas podem ser confundidos com outros problemas de saúde, como por exemplo inchaço no abdômen; dor ao evacuar; dor na pélvis pouco antes ou depois do início do período menstrual; dor durante as relações sexuais ou dor pélvica ao mover-se; dor pélvica leve e constante

Georges Fassolas lembra ainda que o diagnóstico pode ser feito por ultrassom, ressonância magnética da pelve e até mesmo em exame clínico ginecológico.

Cisto ovariano tem cura? 

“Depende da causa, mas na grande maioria das vezes tem cura. Os tratamentos comumente utilizados também dependem da origem dos cistos, mas vão desde de medicações hormonais, como pílulas anticoncepcionais, até tratamentos cirúrgicos”, conclui o especialista.

Copyright foto: iStock

Publicado por . Última modificação: por oRedacao.

Este documento, intitulado 'Cisto no ovário: sintomas, causas e tratamentos', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A Revista Da Mulher (https://arevistadamulher.com.br/) ao utilizar este artigo.
Adicionar comentário

Comentário

Comentar a resposta do usuário anônimo