0
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Dor de ouvido: conheça as principais causas e os cuidados a serem tomados

É preciso atacar a causa da dor de ouvido, evitando algumas medidas caseiras capazes de agravar o problema

Infecções de garganta também podem causar dor de ouvido.


Quem já sentiu uma dor de ouvido, sabe que se trata de um dos maiores desconfortos relacionados a problemas de saúde. Intensa e lancinante, esta dor normalmente é causada por otite (infecção no ouvido) e, muitas vezes, leva o indivíduo desesperado a tomar medidas imediatistas que podem piorar ainda mais a situação. 

O ouvido é drenado por um tubo curto e estreito, chamado trompa de Eustáquio, que o liga às cavidades nasais. A dor na região é causada por uma acumulação de líquido neste tubo, que pressiona a parte posterior do tímpano. 

"Qualquer obstrução da trompa de Eustáquio, devido ao inchaço, já leva ao desconforto.  Quando a trompa se fecha, o fluxo normal de líquidos do ouvido é obstruído. Este líquido acumulado pode causar entupimento, dor e perda auditiva", explica o médico otorrinolaringologista Carlos Borges.

Causas da dor de ouvido

Apesar da otite, infecção externa ou interna do ouvido serem as principais causas da dor, nem sempre este incômodo é consequência de doença somente na região. Infecções e outros problemas do nariz, boca, garganta e articulação do maxilar também podem ocasionar dor no ouvido. Entre as principais causas, estão: 
  • otite;
  • grandes altitudes; 
  • tímpano rompido ou perfurado;
  • infecção dentária;
  • infecção dos seios nasais;
  • artrite do maxilar;
  • infecções ou inflamações na garganta, com dor que irradiam aos ouvidos.
Para evitar infecções, é preciso tomar cuidado com água de praia e piscina e também usar proteção de orelhas em locais muito frios. O uso de cotonetes ou colocar qualquer objeto pontudo no canal auricular pode causar maceração ou perfuração do tímpano, e a dor de ouvido será inevitável. 

Um dos piores procedimentos a serem tomados é pingar no ouvido remédios não receitados ou mesmo soluções caseiras. Entre as crenças populares, fala-se que caldo de alho-poró e azeite morno poderia aliviar a dor de ouvido. Mas estas alternativas podem ter consequências drásticas.

"Tratei um a paciente que havia pingado azeite quente no ouvido. Ela achou que estava numa temperatura boa mas, para as partes internas do corpo, o óleo estava quente demais. Conclusão: queimou o tímpano e agravou o a dor de ouvido, que era causado por um fungo", conta o otorrinolaringologista.

No caso relatado pelo médico, a paciente teve que suportar ainda mais dor, já que o tímpano queimado reagiu com mais sensibilidade aos medicamentos para combater a infecção por fungo. 

Cuidados com soluções caseiras

Sobre as receitas caseiras para aliviar dor de ouvido, as compressas com pano quente encontram-se entre as mais populares. Para os médicos, este tipo de medida paliativa não têm nenhuma contraindicação, desde que não sejam método mais invasivos - como o caso do azeite quente. 

De acordo com dicas do Dicionário de Medicina Natural (Editora Reader's Digest), aplicar uma pequena cebola assada, ainda quente mas suportável para o contato com a pele, é uma medida muito utilizada na zona rural brasileira. Colocar uma cebola ainda cozida e quente dentro de um pano e encostá-la no ouvido também é comum como receita caseira contra a dor de ouvido.

"Fazer compressas de pano quente pode até aliviar a dor por alguns instantes. Mas não é indicado de forma alguma pingar qualquer coisa no ouvido. O recomendado é tomar um analgésico e procurar um médico especialista o quanto antes", reforça o Dr. Borges.

Copyright foto: iStock

Publicado por . Última modificação: por oRedacao.

Este documento, intitulado 'Dor de ouvido: conheça as principais causas e os cuidados a serem tomados', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A Revista Da Mulher (https://arevistadamulher.com.br/) ao utilizar este artigo.
Adicionar comentário

Comentário

Comentar a resposta do usuário anônimo