0
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Johnny Depp e Amber Heard entram em acordo sobre divórcio

Processo aberto desde maio chegou ao fim, segundo a Associated Press. Ator deverá pagar o equivalente a 22 milhões de reais para a ex-mulher

Chega ao fim processo de divórcio entre Johnny Depp e Amber Heard.


Amber Heard e Johnny Depp entraram em um acordo sobre o divórcio, em andamento desde maio. Segundo a Associated Press, a atriz retirou a acusação de violência doméstica contra o ex-marido. O site TMZ noticiou,  ainda, que Depp deverá pagar o equivalente a 22 milhões de reais para a Amber, que vai anular a ordem de restrição temporária. contra o ator.

Em um comunicado oficial, o casal justificou o desfecho do divórcio. "Nosso relacionamento foi passionalmente intenso e às vezes volátil, mas sempre ligado por amor. Nenhum dos lados fez acusações falsas para ganhos financeiros. Nunca houve intenção de causar danos físicos ou emocionais. Amber deseja o melhor para Johnny no futuro. Amber vai doar os lucros do divórcio para uma caridade. Não haverá mais declarações públicas sobre esse assunto", disse a nota. 

No último sábado a atriz teria deposto contra Depp num processo que demorou mais de 7 horas. Antes, o TMZ divulgou um vídeo mostrando o ator com um comportamento agressivo. O ex-casal se separou em maio desde ano, depois de 1 ano e três meses juntos. Os dois se conheceram nas gravações de "Diário de um jornalista bêbado" e o relacionamento durou apenas 15 meses. 

Copyright foto: FS2/WENN.COM/SIPA

Publicado por . Última modificação: por oRedacao.

Este documento, intitulado 'Johnny Depp e Amber Heard entram em acordo sobre divórcio', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A Revista Da Mulher (https://arevistadamulher.com.br/) ao utilizar este artigo.
Adicionar comentário

Comentário

Comentar a resposta do usuário anônimo