0
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Saiba combinar cores e texturas diferentes de lingerie

Conjuntinhos iguais estão perdendo espaço para misturas criativas em cores e estampas de peças íntimas

Embora na mesma cor, as texturas da calcinha e do sutiã são diferentes e se complementam.


Já houve época em que a bolsa precisava necessariamente combinar com o sapato. O mesmo era possível dizer da lingerie. Sorte das mulheres que estas “convenções” já ficaram para trás e que hoje é possível mesclar diferentes cores, textura e estampas de peças íntimas em qualquer momento. Inclusive naquelas noites especiais. 

Um sutiã estampado em cima fica bem com uma calcinha lisa e vice-versa. Por exemplo: se uma das peças tiver animal print ou ilustrações florais a outra deve ser mais discreta, com apenas uma cor. Na dúvida, o tom pode ser o mesmo com destaque no fundo da lingerie com desenhos.

Lingerie como acessório de moda

A estilista Carla Rezende Terra Silva, da Laniclê Lingerie, conta que a ideia de um “conjunto básico” deixou de ser fundamental a partir do momento em que os modelos trazem rendas, tiras e desenhos inspirados nas próprias roupas – o que reinventou o conceito de combinação de calcinha e sutiã. Além disso, em diversos looks a lingerie segue como um verdadeiro acessório de moda e não se esconde mais sob as vestimentas. 

Cores primárias e texturas diferentes de peças da Laniclê Lingerie.


Mas, dependendo do estilo da produção, não é elegante aparecer cores e estampas do sutiã. Em um visual mais clássico, com camisa de seda branca, um sutiã estampado não deve ser o protagonista. Por isso, a escolha de um branco ou nude, que não tenha um grande destaque no look é a melhor opção. 

Como contraponto, é interessante fazer aquela brincadeira de mostra/esconde com regatas pretas ou brancas, usando um sutiã colorido ou strappy bra aparecendo de maneira descolada. “A mulher pode ousar nas combinações super descontraídas com detalhes que estiverem em alta na temporada. Por outro lado é necessário que leve em consideração a ocasião e o ambiente, fazendo esse mix de peças sem perder a essência de seu estilo”, analisa Carla. 

Misturando de cores e texturas

Lingeries em cores neutras como preta, branca e nude harmonizam com todos os outros tons, inclusive peças com desenhos. Não existem regras na hora de mesclar outras nuances, Mas, há truques de como jogar uma cor com a outra: como é o caso dos entretons, como azul escuro e o azul claro, ou ainda cores complementares, como vermelho, verde e suas mais diversas variantes. É claro que existem uma infinidade de alternativas para essas combinações: laranja e roxo, roxo e rosa, rosa e azul, vermelho e azul...basta usar a criatividade e o bom senso no momento da escolha. 


Peças da Loungerie, com calcinha neutra e sutiã estampado.


Nas estampas, a estilista recomenda priorizar as mais clássicas, como poá, listras, xadrez, florais que podem se misturar formando combinações de mix de estampas. “Não tem regra para o que não usar, o que vale é bom senso nas combinações. Sempre lembrando que é interessante procurar estampas com mesmas tonalidades”, explica. 

No caso de peças íntimas com texturas, o truque é não misturar os estilos. Calcinha romântica de renda com top esportivo ou sutiã de cetim com parte de baixo em um tecido muito grosso não conversam entre si. O ideal, nestes casos, é usar o mesmo conjunto ou optar por uma peça lisa, com a cor de um único detalhe da peça texturizada. 

Mix de estilos e cores pasteis em lingerie da Laniclê.



Copyright foto: iStock e Divulgação

Publicado por . Última modificação: por oRedacao.

Este documento, intitulado 'Saiba combinar cores e texturas diferentes de lingerie', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A Revista Da Mulher (https://arevistadamulher.com.br/) ao utilizar este artigo.
Adicionar comentário

Comentário

Comentar a resposta do usuário anônimo