0
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Marcos Veras e Júlia Rabello se separam após 12 anos juntos

Casal de atores ficou famoso pelas participações nos vídeos humorísticos do grupo Porta dos Fundos

Júlia Rabello e Marcos Veras se conheceram em 2004 e se casaram em março de 2011.


Mais um famoso casal do meio artístico brasileiro acaba de anunciar a separação. Após 12 anos juntos, Marcos Veras e Júlia Rabello decidiram colocar um ponto final da relação. A informação foi divulgada nesta terça-feira (06) pela coluna Gente Boa, do jornal O Globo, e depois foi confirmada pela assessoria de imprensa dos atores.

De acordo com o portal EGO, o término aconteceu de forma amigável e os dois ainda mantêm uma boa relação. “Está tudo bem. Foi amigável e decidido em comum acordo”, disse um representante do ex-casal à publicação. Por enquanto, nenhum dos dois se pronunciou sobre o assunto.

Marcos e Júlia se conheceram em 2004 através de uma amiga em comum e logo engataram o namoro. Os dois estavam casados desde março de 2011 e ganharam projeção na mídia depois que fizeram parte do grupo humorístico Porta dos Fundos, ao lado de Fábio Porchat, Gregório Duvivier e Clarice Falcão, entre outros.

Apesar do fim do relacionamento, os dois continuam divulgando os trabalhos um do outro nas redes sociais. Na última segunda-feira (05), Veras postou em sua conta no Instagram a chamada do programa Fale Conosco, estrelado pela ex-mulher no canal GNT. Poucos dias antes, ela também publicou em seu perfil o pôster do filme O Filho Eterno, drama protagonizado por Marcos, que está atualmente em cartaz nos cinemas.

 


Copyright foto: Thiago Duran/AgNews

 

Publicado por . Última modificação: por oRedacao.

Este documento, intitulado 'Marcos Veras e Júlia Rabello se separam após 12 anos juntos', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A Revista Da Mulher (https://arevistadamulher.com.br/) ao utilizar este artigo.
Adicionar comentário

Comentário

Comentar a resposta do usuário anônimo