9
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Gravidez sem sintomas: entenda os motivos da gestação que não dá sinais

Apesar de não serem tão comuns, gestações assintomáticas podem acontecer e até surpreender com a descoberta do bebê só na hora do parto

gravidez sem sintomas
O comum é a mulher comece a sentir os sintomas da gravidez a partir da sexta semana.


Os sintomas da gravidez costumam ser o assunto mais recorrente quando se está diante de uma gestante. Por se tratar de um momento marcante e que causa um pouco de mal-estar, é também muito comum que as mulheres, ao falarem sobre a gestação, afirmem que seria tudo ainda mais maravilhoso se não precisassem passar por alguns incômodos.

Mas apesar de ser o mais comum, nem toda mulher sofrerá com azias e enjoos na gravidez. E embora não seja muito comum, algumas sortudas conseguem esta proeza de uma gravidez sem sintomas, como confirma o ginecologista Andrei de Farias.

“Existem alguns casos em que a mulher descobre a gravidez poucas horas antes do parto, mas estes são raríssimos. Algumas mulheres passam as primeiras semanas sem perceber nenhum sintoma da gravidez, mas depois este quadro muda, geralmente no primeiro mês de gravidez ou partir da sexta semana”, afirma o médico.

Gravidez sem sintomas

O especialista explica ainda que a maior parte dos sintomas sentidos pela mulher ocorre em decorrência das alterações hormonais que acontecem desde os primeiros momentos da gravidez. “Desde os enjoos até as dores são explicados por estas mudanças e as consequências delas – e do desenvolvimento do feto – no corpo da gestante”, esclarece do Dr. Farias.

Uma das explicações para uma gravidez sem sintomas pode ser também a maneira com a qual o próprio corpo responde a estas alterações hormonais. “Algumas mulheres já convivem com altas doses hormonais, principalmente durante o período menstrual, o que acaba gerando certa tolerância às mudanças mais comuns na gravidez”, destaca o ginecologista.

Outro fator que pode ser determinante para que a gravidez sem sintomas aconteça é a questão emocional. “Assim como existem casos de gravidez psicológica, a ausência de sintomas pode também ser explicada assim. E os motivos são diversos, desde uma gravidez não planejada, repressão por parte da família, excesso de trabalho, entre outros”, ressalta o especialista.

Há também casos em que os sintomas aparecem, mas a mulher acaba os associando a outras situações, não à gravidez. Seja pela recorrência do sintoma no dia a dia ou mesmo pela intensidade com a qual eles surgem. “Se a mulher não está esperando uma gravidez ou está tomando o anticoncepcional, pode acontecer de não dar atenção para estes incômodos”, afirma.

Riscos de uma gravidez assintomática

Para o ginecologista, os riscos de uma gravidez sem sintomas, em um primeiro momento, ficam por conta da manutenção de hábitos que não condizem com uma gestação e podem prejudicar a saúde do bebê.

“Fumar, ingerir bebidas alcoólicas, entre outras ações corriqueiras podem trazer problemas para a gestação e o desenvolvimento do feto. No mais, não há motivos para grandes preocupações, lembrando ainda que os sintomas devem aparecer em algum momento”, reforça.

Nos casos em que a mulher tem conhecimento de que está grávida, e mesmo assim não apresenta os sintomas da gestação, é importante fazer um acompanhamento mais cuidadoso com um especialista, como forma de ter certeza de que está tudo bem com o bebê.

“A realização de exames periódicos durante a gestação é essencial para garantir que o feto está se desenvolvendo normalmente, independentemente dos sintomas”, conclui o especialista.

Copyright foto: iStock

Publicado por . Última modificação: por oRedacao.

Este documento, intitulado 'Gravidez sem sintomas: entenda os motivos da gestação que não dá sinais', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o A Revista Da Mulher (https://arevistadamulher.com.br/) ao utilizar este artigo.
Adicionar comentário

Comentário

Comentar a resposta do usuário anônimo